Central de Flagrantes I lota e obriga militares a guardarem presos na recepção

Central de Flagrantes I lota e obriga militares a guardarem presos na recepção

Desde a quarta-feira (30) que a Central de Flagrantes I, no bairro do Farol, em Maceió, está com limite da lotação (com 24 detentos ocupando todas as celas). Com isso, seis presos nas últimas 24 horas aguardam vaga na recepção do espaço, sob a vigilância da Polícia Militar, forçando a permanência de uma guarnição da Rádio Patrulha no local.
Segundo informações obtidas no local, o delegado e coordenador da central, Leonardo Assunção, deve tentar na manhã desta quinta-feira (31) a transferência de pelo menos cinco presos para o sistema prisional, como forma de abrir espaço vagas e amenizar a situação.

Mesmo assim, com a possibilidade de novas ocorrências e detenções, a Central deve permanecer lotada e a cena de policiais militares tomando conta de presos na recepção da delegacia poderá se repetir no dia de hoje.
CONFIRA, NA ÍNTEGRA, NOTA DA PC
Em relação à Central de Flagrantes 1, que está com 24 presos, limite estabelecido por decisão Judicial, o setor de Movimentação de presos da Polícia Civil já está ciente da situação e está com a programação pronta para a transferência, na manhã desta quinta-feira (31), de 15 presos para o sistema prisional.
Esta movimentação só pode ser realizada após às 8h da manhã, porque o sistema só pode receber presos após este horário.
As transferências somente são autorizadas às terças e quintas-feiras pelo sistema prisional.


Deixe um comentario