Parte do corpo de Irmã Dulce será dado como presente ao Papa Francisco

Parte do corpo de Irmã Dulce será dado como presente ao Papa Francisco

Um relicário com restos mortais de Irmã Dulce, será dado ao Papa Francisco durante a cerimônia de canonização da religiosa, que para os católicos será oficializada como santa, em 13 de outubro. A cerimônia ocorrerá no Vaticano, quando Dulce receberá a alcunha de Santa Dulce dos Pobres.
A outra parte dos restos mortais estão guardados numa caixa sob o prótotipo do corpo de Dulce, que ficará exposto na Capela das Relíquias, no Templo da Bem-Aventurada, no Largo de Roma, em Salvador.
Apesar de soar estranho, a prática é comum no catolicismo. No ano passado, o Papa Francisco doou ao Patriarca Ecumênico de Constantinopla Bartolomeu I, chefe da igreja ortodoxa, um relicário com alguns fragmentos de ossos de São Pedro, considerado o primeiro Papa Católico.
Outro relicário famoso é o que guarda a a língua de Santo Antônio de Pádua, que até hoje recebe a veneração dos fiéis. Para o Papa Francisco, os restos mortais dos santos têm uma importância histórica e arqueológica, mas principalmente espiritual e religiosa.


Funcionários do PT levam prêmio de R$ 120 milhões da Mega-Sena

Funcionários do PT levam prêmio de R$ 120 milhões da Mega-Sena

A aposta vencedora da Mega-Sena desta quarta-feira saiu para uma aposta coletiva feita por funcionários da liderança do PT. O “bolão” acertou sozinho o prêmio de R$ 120 milhões. Os números sorteados foram: 04 – 11 – 16 – 22 – 29 – 33.
O grupo de 49 pessoas entre assessores e funcionários da Câmara. De acordo com dois vencedores, que pediram anonimato, cada um apostou R$ 10. Cada um vai ganhar cerca de R$ 2,5 milhões.
Assim que saiu o resultado, o grupo saiu comemorando pelo corredor chamando a atenção de quem passava. De acordo com um dos vencedores, há mais de dez anos, em todos os sorteios, eles apostam.
Além do grupo, 406 apostas acertaram a quina (cinco números) e vão levar R$ 19.407,24 cada uma. Na quadra (quatro acertos) foram 24.366 apostas ganhadoras, que receberão R$ 461,96 cada uma.
O prêmio dos petistas é o terceiro maior prêmio acumulado neste ano e um dos 20 maiores da história. O maior foi sorteado em maio, para um sortudo que apostou pela internet e levou R$ 289 milhões.
Reação
O deputado Aliel Machado (PSB-PR) brincou com o resultado. “Fiquei sabendo que agora há uma orientação no PT contrário a taxar as grandes fortunas”, afirmou o parlamentar.
Outro deputado, não identificado, pegou o microfone para pedir ao presidente Jair Bolsonaro que entregue um cheque simbólico para o partido.


Pis/Pasep: pagamento aos nascidos em setembro começa hoje

Pis/Pasep: pagamento aos nascidos em setembro começa hoje

A Caixa paga nesta quinta-feira (19) o abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) para os trabalhadores nascidos em setembro com direito ao benefício. Para quem tem conta no banco, o depósito foi feito automaticamente na terça-feira (17).
No caso dos servidores públicos, o pagamento do abono salarial do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) é feito pelo Banco do Brasil (BB). Recebem o benefício este mês os cadastrados com final de inscrição 2.
Quem pode sacar o benefício
Tem direito ao abono as pessoas cadastradas no PIS/Pasep há, pelo menos, cinco anos e ter trabalhado com carteira assinada em 2018 por, no mínimo, 30 dias, com remuneração salarial até dois salários mínimos, em média.
É preciso, também, que o empregador tenha informado corretamente os dados do trabalhador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais) de 2018, entregue ao governo federal.
O Abono Salarial estará disponível para saque até 30 de junho de 2020.


Hacker rouba dados de toda a população do Equador

Hacker rouba dados de toda a população do Equador

O Equador informou que informações pessoais de quase todos seus 17 milhões de cidadãos foram roubadas em um ataque de hackers.

Funcionários do governo equatoriano disseram que esta semana uma empresa privada que geria as informações sofreu um ataque.

Eles afirmam que incontáveis dados de 20 milhões de pessoas foram expostos, incluindo informações de indivíduos já falecidos.

Os dados roubados incluem nomes, datas de nascimento, histórico escolar e empregatício, números de telefone celular, bem como contas bancárias e número identificador dos contribuintes.

O governo disse que vai promulgar em até três dias uma lei de proteção de dados para que possa reagir a qualquer abuso das informações roubadas.

As autoridades estão buscando um ex-funcionário do governo pode estar envolvido no roubo.


Morre “Ciço”, proprietário do tradicional bar Novo Oriente

Morre “Ciço”, proprietário do tradicional bar Novo Oriente

Faleceu na manhã desta quarta-feira (18), Cícero José Ferro, mais conhecido como “Ciço” do bar Novo Oriente. Ele estava internado no hospital Chama com complicação no pâncreas.

Cícero além de ser agricultor, trabalhou como mecânico de fogão e montador dos produtos Brastemp no município, antes de ingresssar na vida de empresário e há 45 anos, era o proprietário do Bar Novo Oriente localizado no coração econômico da princesa do Sertão, em Palmeira dos Índios, preservando no seu estabelecimento comercial uma tradição já ultrapassada por muitos, a radiola que toca vinil, onde muitos cantores começaram a divulgar seus trabalhos para a sociedade em geral.

O empresário em entrevista recente ao Estadão Alagoas, afirmou que continuaria no mesmo negócio, até a morte lhe levar, mas se algum dos seus filhos quatro filhos quisesse tocar o Restaurante Novo Oriente se sentiria bastante honrado.

Ele deixa a esposa Terezinha Maria Ferro com quem mantinha um casamento de 50 anos e dessa união tiveram quatro filhos: José Rogério Ferro, José Roberto Ferro, Rosângela Ferro e José Reginaldo Ferro.

O local do velório e sepultamento ainda não foram informados.


ANP se diz atenta quanto a abusos em preços de combustíveis no Brasil

ANP se diz atenta quanto a abusos em preços de combustíveis no Brasil

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou, por meio de nota, que está “atenta” para possíveis cobranças abusivas por combustíveis no Brasil. A cotação internacional do petróleo sofreu uma alta depois de ataques a uma refinaria na Arábia Saudita, na semana passada.

Segundo a nota da ANP, os preços no Brasil são “livres, por lei, em todas as etapas da cadeia: produção, distribuição e revenda. Diante de denúncias de preços abusivos, a ANP faz ações de campo para confirmar essas suspeitas. Quando constata a prática de preços abusivos, a agência atua em conjunto com os Procons para penalizar os infratores”.

Na última segunda-feira (16), a Petrobras divulgou nota informando que também está monitorando a cotação internacional do petróleo, mas que, até aquele momento, não havia previsão de reajustar o preço dos combustíveis.


Bandidos se passam por funcionários da Caixa para aplicar golpe do saque do FGTS

Bandidos se passam por funcionários da Caixa para aplicar golpe do saque do FGTS

Criminosos estão se passando por funcionários da Caixa Econômica Federal para aplicar golpes, atraindo as vítimas com informações sobre o saque imediato de R$ 500 por conta vinculada do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A promessa é de evitar filas e agilizar o atendimento, marcando supostamente o dia e a hora para a retirada do dinheiro. Os golpistas citam dados pessoais, informações sobre contas do trabalhador, número do Cartão Cidadão e até um valor aproximado a ser sacado, para que a proposta pareça verdadeira.

A Caixa ressalta que não envia mensagens sobre os saques das contas vinculadas do FGTS ou que solicitem senhas, dados ou informações pessoais dos trabalhadores. O banco orienta que os cidadãos busquem informações sobre o FGTS disponíveis em seus canais oficiais: pela internet (www.caixa.gov.br), pelo endereço fgts.caixa.gov.br, pelo App FGTS, pelo telefone 0800-724-2019 ou em suas agências.

A instituição financeira informa que não envia links, não solicita agendamento para atendimento presencial nem pede confirmação de dispositivo ou acesso à conta por e-mail, SMS ou WhatsApp.

A Caixa também orienta os clientes a sempre identificarem empregados e colaboradores das agências por meio dos crachás funcionais e a não aceitarem ajuda de pessoas não identificadas.

Sites falsos roubam dados

De acordo com o banco, os criminosos podem conseguir informações das vítimas por meio de fraudes virtuais. Isso acontece normalmente com o compartilhamento de mensagens falsas, principalmente pelo WhatsApp. Os criminosos normalmente enviam mensagens com links para páginas que simulam sites verdadeiros. As pessoas respondem a breves questionários e, assim, os golpistas passam a ter acesso aos dados dos usuários.

Além disso, o banco enfatiza que é preciso redobrar os cuidados com abordagens de estranhos nos terminais de autoatendimento das agências, sem fornecer dados pessoais.

Bruno Prado, CEO da UPX, empresa de tecnologia focada em segurança cibernética, explica que o contato telefônico com as vítimas já é a segunda etapa do golpe. O criminoso pode usar as informações do dia e horário do saque do trabalhador para roubar o dinheiro, em uma “saidinha de banco”, por exemplo:

? Os fraudadores primeiro atraem as vitimas para sites falsos ou aplicativos clonados. O objetivo é roubar seus dados pessoais. Com as informações nas mãos, eles podem utilizá-las de várias formas, inclusive se passando por funcionários do banco para tentar acessar o dinheiro das vítimas ? ressalta Prado.

Cerca de 96 milhões de pessoas têm direito ao saque imediato de até R$ 500 por conta vinculada do FGTS, o que pode aumentar as tentativas de golpes. Os saques vão até o dia 31 de março de 2020.

Dicas de segurança

Evite fornecer a senha ou o número do Cartão Cidadão, pois os criminosos entraram em contato com os clientes se passando por empregados das centrais de cartões ou do banco para obter essas informações e, assim, aplicar os golpes.

Não acesse links recebidos. O banco não envia mensagens por e-mail, SMS ou WhatsApp. Não faça pré-cadastro para o saque do FGTS.

Por telefone, nunca forneça o número do cartão e o CVC (código de verificação de três dígitos que fica no verso). Vá até uma agência para checar a existência de atividades suspeitas no cartão.

Segundo o banco, as verdadeiras Centrais de Segurança dos Cartões Caixa podem entrar em contato com o cliente para confirmar transações. Porém, nunca pedem a senha ou o número completo do cartão. Pedem apenas os quatro últimos dígitos.


Senado aprova PL que regulamenta o fundo eleitoral com alterações

Senado aprova PL que regulamenta o fundo eleitoral com alterações

O Senado aprovou hoje (17) o dispositivo legal que regulamenta o uso do fundo eleitoral para financiamento de campanha dos candidatos a prefeito e vereador nas eleições municipais de 2020. O texto aprovado estabelece que os valores do fundo serão definidos pela Comissão Mista de Orçamento (CMO), composta por deputados e senadores.

O projeto original, aprovado na Câmara, trazia uma série de alterações polêmicas na utilização dos recursos do fundo, mas essas alterações foram vetadas pelo relator Weverton Rocha (PDT-MA) após ouvir críticas e manifestações contrárias ao texto vindas de senadores de diversos partidos. Agora, o texto volta à Câmara dos Deputados, já que a versão aprovado no Senado é diferente da aprovada na Câmara.

Reviravota

A aprovação do PL em plenário só se confirmou após uma reviravolta. No início da tarde de hoje, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, afirmava que um acordo levaria o tema a ser discutido na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) amanhã (18) para, em seguida, ser votado em plenário. No entanto, na reunião de líderes partidários, ficou definido que todo o projeto seria vetado ainda hoje, com exceção do trecho que autoriza o financiamento público de campanha. Assim, uma sessão extraordinária na CCJ, no meio da tarde, votou o novo relatório do pedetista e o encaminhou ao plenário.

Minutos antes da sessão na CCJ, Weverton Rocha afirmou que havia consenso entre os parlamentares em manter apenas o financiamento público com os mesmos valores da eleição passada: “A gente vai rejeitar tudo. Vai ficar apenas o artigo do fundo eleitoral. A instituição do fundo de financiamento eleitoral, com valores a serem definidos na Comissão de Orçamento. Os parlamentares defendem o valor da eleição passada”. O valor do fundo eleitoral em 2018 foi de R$ 1,8 bilhão.

Os parlamentares tem pressa em fixar o fundo eleitoral, especificamente, porque é preciso que o presidente da República sancione a regulamentação até o dia 3 de outubro, um ano antes das eleições municipais de 2020. Caso isso não ocorra, os candidatos em 2020 não poderão usar o fundo eleitoral para financiar suas campanhas.

De volta à Câmara, os deputados terão que decidir entre aprovar a regulamentação do fundo eleitoral como saiu do Senado ou retomar todos os artigos rejeitados, sem exceção. Como Weverton decidiu por um substitutivo, rejeitando todas as emendas propostas na lei de forma aglutinativa, em vez de rejeitar emenda por emenda, os deputados ficaram com pouca margem de alteração no projeto. Eles não poderão, por exemplo, reinserir apenas um trecho específico.


Operação da PF prende 4 em Palmeira dos Índios e Arapiraca

Operação da PF prende 4 em Palmeira dos Índios e Arapiraca

Quatro pessoas foram presas na manhã desta terça-feira (17) na segunda fase da “Operação Retomada Alagoana” deflagrada pela Polícia Federal nas cidades de Palmeira dos Índios, Arapiraca no Agreste de Alagoas e Belo Jardim, Agreste de Pernambuco.
De acordo com a Assessoria de Comunicação da PF, a ação policial com objetivo de desarticular uma organização criminosa responsável por roubo de cargas em Alagoas, cumpriu 11 mandados de busca e apreensão, sendo 8 em Arapiraca, 2 em Palmeira dos Índios e 1 em Belo Jardim. Os mandados de prisão preventiva foram expedidos pela Justiça Federal do Estado de Alagoas.
Outros três mandados de prisão preventiva foram cumpridos em Arapiraca. Além dos suspeitos com prisão determinada pela Justiça, os policiais federais prenderam um empresário, por posse ilegal de arma de fogo, na cidade de Palmeira dos Índios. O flagrante ocorreu na Eletrônica Freire, localizada na Rua Sebastião Ramos de Oliveira, no bairro São Cristóvão.
Os suspeitos foram conduzidos até a Superintendência Regional da Polícia Federal em Alagoas e, em seguida, encaminhados ao presídio da capital. A PF não divulgou os nomes dos presos na operação que contou com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar.


Feriadão tem dez acidentes e duas mortes nas rodovias alagoanas

Feriadão tem dez acidentes e duas mortes nas rodovias alagoanas

O feriadão da Emancipação Política de Alagoas teve dez acidentes nas rodovias estaduais, sendo duas mortes registradas.O balanço foi divulgado nesta terça-feira (17), pelo Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv).

Ambos os óbitos aconteceram no sábado, nas cidades de Arapiraca e Porto Calvo. Na AL 110, no Agreste, uma moto e um carro colidiram de frente e o condutor do veículo de duas rodas morreu na hora. Já em Porto Calvo um motociclista atropelou um animal e faleceu no local.

No mesmo dia, o BPRv registrou ainda uma colisão traseira em Maragogi e uma batida lateral em São José da Tapera, com vítimas com escoriações leves nos dois casos. Em Arapiraca, um tombamento seguido de incêndio deixou o condutor também com escoriações.

Ainda na cidade do Agreste, aconteceram duas batidas na sexta-feira: uma transversal, com danos materiais e vítimas com pequenas escoriações e uma traseira, com o registro de uma lesão grave. Segundo o Batalhão de Polícia Rodoviária, o motociclista fraturou a tíbia, mas passa bem.

Já o domingo teve três acidentes nas rodovias alagoanas. No Alto Sertão, em Olho D?Água das Flores, e em Arapiraca, na AL 110, foram registradas colisões longitudinais sem gravidade. Já em Ipioca, na AL 101 Norte, dois condutores se envolveram em uma colisão traseira.

A segunda-feira não teve acidentes no Estado. De acordo com o BPRv, o número está dentro do que era esperado para as vias locais durante o feriadão.


Polícia Federal deflagra operação em Palmeira e Arapiraca

Polícia Federal deflagra operação em Palmeira e Arapiraca

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira (17), a segunda fase da “Operação Retomada Alagoana” nas cidades de Palmeira dos Índios e Arapiraca, com o objetivo de desarticular organização criminosa responsável por roubo de cargas em Alagoas.

Segundo a Assessoria de Comunicação da PF, a ação policial também ocorre na cidade de Belo Jardim/PE. Ao todo estão sendo cumpridos 03 mandados de prisão preventiva e 11 mandados de busca e apreensão que foram expedidos pela Justiça Federal do Estado de Alagoas.

Em Palmeira, os mandados estão sendo cumpridos na Rua Sebastião Ramos de Oliveira, no bairro São Cristóvão. Os materiais apreendidos serão submetidos à perícia técnica e, em seguida, juntados a Inquérito Policial instaurado em abril deste ano.

Ainda não informações de presos, mas em caso de prisões, os suspeitos serão conduzidos até a Superintendência Regional da Polícia Federal em Alagoas e, em seguida, encaminhados ao presídio da capital. A operação conta com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar.


Bolsonaro diz que sancionará projeto que amplia posse de arma no campo

Bolsonaro diz que sancionará projeto que amplia posse de arma no campo

O presidente Jair Bolsonaro chegou na tarde desta segunda-feira (16) ao Palácio do Alvorada, residência oficial, após ter recebido alta, mais cedo, do Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, onde se submeteu a uma cirurgia no abdômen no dia 8 de setembro. O avião presidencial pousou na Base Aérea de Brasília por volta das 17h, e o comboio oficial chegou à residência oficial 30 minutos depois.

Aguardado por alguns apoiadores, o presidente desceu do carro na entrada principal do Alvorada e conversou rapidamente com jornalistas presentes. Ele disse que retoma os trabalhos nesta terça (17) e que vai sancionar o Projeto de Lei 3.715/19, que amplia a posse de arma em propriedades rurais. A medida foi aprovada pela Câmara dos Deputados no dia 21 de agosto e aguarda sanção presidencial.

Perguntado se vetaria algum item do projeto, o presidente acrescentou que não leu ainda o texto aprovado, mas que vai garantir o direito à posse de arma. “Eu não vi o projeto, vou ver amanhã. Mas eu não vou tolher mais ninguém de bem de ter a sua posse ou porte de arma de fogo.”

Segundo o projeto aprovado pelo Legislativo, fica autorizada a posse de arma em toda a extensão de uma propriedade rural. A medida garante ao dono de uma fazenda, por exemplo, o direito de andar com uma arma de fogo em qualquer parte de sua propriedade. Atualmente, a posse só é permitida na sede.

O presidente também disse que está bem de saúde, mas que só volta ao ritmo normal de atividades após a viagem aos Estados Unidos. De acordo com o porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, Bolsonaro deve embarcar para Nova York no próximo dia 23. No dia 24, está previsto seu discurso na 74ª Assembleia Geral das Nações Unidas. Tradicionalmente, cabe ao presidente do Brasil fazer o discurso de abertura do evento anual.

O Palácio do Planalto confirmou que Bolsonaro retoma as atividades de presidente a partir desta terça-feira. Ainda não se sabe se ele vai despachar diretamente da sede do Poder Executivo ou no Palácio do Alvorada. Pelo Twitter, o presidente comemorou a volta ao trabalho.

“Com a graça de Deus, passamos bem por mais um processo cirúrgico decorrente dos reflexos causados pela tentativa de assassinato cometida por ex-membro de partido de esquerda! Finalmente de volta ao conforto do lar, junto à minha filha e voltando ao trabalho! O Brasil tem pressa!”, escreveu.


Força Nacional vai combater incêndios e queimadas no Acre

Força Nacional vai combater incêndios e queimadas no Acre

O combate aos incêndios florestais e às queimadas no estado do Acre ganha, a partir de hoje (17), o reforço de equipes da Força Nacional de Segurança Pública. Atendendo solicitação do governo acriano, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, assinou portaria, publicada no Diário Oficial da União, desta terça-feira, autorizando a medida.

De acordo com o documento, as ações da Força Nacional serão em caráter episódico e planejado, em atividades de defesa civil em defesa do meio ambiente e nos serviços imprescindíveis à preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio, até 24 de setembro de 2019.

A portaria define ainda que a presença da Força Nacional terá apoio logístico do governo do Acre, que deverá dispor da infraestrutura necessária às equipes. O número de militares disponibilizado obedecerá ao planejamento definido pelo ministério.


Bombeiros encerram buscas no Hospital Badim, diz direção; 11 corpos foram retirados

Bombeiros encerram buscas no Hospital Badim, diz direção; 11 corpos foram retirados

A direção do Hospital Badim, parcialmente destruído em um incêndio na noite desta quinta-feira (12), afirmou às 7h desta sexta (13) que os bombeiros encerraram no fim da madrugada as buscas por mortos.
Onze corpos – todos de pacientes, segundo a unidade – foram retirados durante varreduras. Até as 7h50, duas vítimas foram identificadas:
Irene Freiras de Brito, 84;
Luzia dos Santos Melo, 88;

A direção do hospital abriu os canais suportefamiliares@badim.com.br e 971013961 (com acesso ao WhatsApp) para atender parentes.

Resumo até aqui
11 pacientes morreram após um incêndio de grandes proporções no Hospital Badim;
O fogo começou por volta das 18h30, e a fumaça se espalhou;
A suspeita é que chamas começaram após um curto-circuito em um gerador;
103 pessoas estavam internadas na unidade no momento do incêndio, das quais 90 foram transferidas;
224 funcionários trabalhavam no turno quando as chamas começaram – nenhum deles morreu, segundo o hospital;
Unidade foi esvaziada, e pacientes foram levados para ruas próximas, onde ficaram em macas.

Remoção de pacientes
A varredura dos bombeiros começou por volta das 21h45, cerca de uma hora após o fogo ter sido considerado debelado, e seguiu pela madrugada. Os corpos foram retirados em sacos e levados ao Instituto Médico-Legal (IML).
Segundo os bombeiros, cerca de 90 dos 103 pacientes internados foram transferidos para as seguintes unidades de saúde:
Anexo do Badim, que não foi atingido no incêndio;
Hospital Universitário Gaffrée e Guinle;
Hospital Israelita Albert Sabin;
Hospital Copa D’Or;
Hospital Quinta D’Or;
Hospital Norte D’Or;
Hospital Caxias D’Or;
Hospital São Vicente de Paula.

Enfermeiros, médicos, bombeiros e moradores da região ajudaram a acomodar pacientes em colchões nas calçadas na Rua São Francisco Xavier e em uma creche vizinha.

Como foi o incêndio
O fogo começou por volta das 18h30 em um dos dois prédios do complexo – o mais antigo, aberto em 2000.
De acordo com a direção do hospital, a principal suspeita é de um curto-circuito no gerador do prédio 1, espalhando fumaça para todos os andares do prédio antigo.
Ainda segundo a direção, os pacientes do Centro de Tratamento Intensivo 1 (CTI) foram retirados e receberam os primeiros atendimentos na Rua Arthur Menezes por volta das 19h30. Os pacientes do CTI 2, que tem 20 leitos, também foram retirados.
Segundo moradores, pacientes e funcionários começaram a sair do hospital assim que o incêndio começou.
O dono da creche que fica ao lado do hospital contou que, inicialmente, os pacientes que têm quadro de saúde mais grave foram levados para lá.
Moradores vizinhos ao Hospital Badim precisaram deixar suas casas rapidamente. O motivo da pressa foi o medo que as paredes que ficam coladas ao hospital pudessem desabar.
A energia elétrica foi desligada pela Light para facilitar o trabalho das equipes de atendimento e resgate.

No final da noite desta quinta, a direção do Hospital Badim emitiu uma nota:
A Direção do Hospital Badim vem a público expressar seu profundo pesar em relação ao incêndio ocorrido na noite desta quinta-feira.
Informamos que 103 pacientes estavam internados no hospital no momento do episódio.
Imediatamente, a brigada de incêndio iniciou a evacuação do prédio, mesmo antes da chegada do Corpo de Bombeiros.
Desde o primeiro momento a prioridade total foi socorrer os pacientes e funcionários e salvar vidas. Mais de 100 médicos foram mobilizados para dar assistência aos pacientes que estavam sendo socorridos.
Face a esse fato trágico, a solidariedade dos hospitais privados e das Secretarias Estadual e Municipal de Saúde está garantindo que os pacientes sejam transferidos.
Para transmitir informações seguras, a Direção se manifestará novamente à medida em que o Corpo de Bombeiros terminar o seu trabalho e liberar o acesso ao prédio.
O trabalho dos bombeiros continua e nos mantemos solidários às famílias, pacientes e funcionários envolvidos.
A Direção.

Mais tarde, durante esta madrugada, a direção emitiu outra nota:
A direção do Hospital Badim informa que logo após o início da remoção dos pacientes pelo Corpo de Bombeiros o comitê de apoio foi acionado para começar uma busca ativa pelos pacientes que foram transferidos para unidades de saúde do Rio de Janeiro. Está sendo disponibilizado o número de Whatsapp 97101-3961 e o e-mail suportefamiliares@badim.com.br para que os familiares dos pacientes envolvidos no episódio entrem em contato para receber informações sobre sua localização.
Além disso, o hospital enviou funcionários para os principais hospitais do Rio de Janeiro a fim de monitorar a chegada de pacientes transferidos.
Mais uma vez a direção do Hospital Badim externa sua imensa tristeza diante do ocorrido.
Uma última nota foi divulgada no fim desta madrugada:
A direção do Hospital Badim continua acompanhando o trabalho do Corpo de Bombeiros. Os familiares dos pacientes e funcionários envolvidos no episódio receberam atendimento pelo comitê de apoio do hospital, inclusive de uma assistente social.
Todas as providências estão sendo tomadas para acolher as famílias. Informamos que a direção do hospital irá se pronunciar após a inspeção do Corpo de Bombeiros e da Polícia Civil, que deve acontecer ainda na manhã desta sexta feira (13/9).


Família faz campanha de doação para criança vítima de envenenamento

Família faz campanha de doação para criança vítima de envenenamento

A família do pequeno Lucas Vinícius, de 12 anos, que confundiu “chumbinho” com chocolates, está realizando uma campanha através das redes sociais para conseguir doações de materiais básicos de alimentação e higiene.
Ele sofreu paralisia cerebral e precisa de ajuda para manter os custos de exames. De acordo com a mãe, Elisângela de Almeida, ele ingeriu ‘chumbinho’ – veneno muito utilizado para eliminar ratos – acreditando ser chocolate. Após o ocorrido, Vinícius teve uma parada cardíaca de mais de 20 minutos, acabou entrando em coma e precisou ficar internado durante meses.

Ainda segundo Elisângela, a criança ficou com sequelas neurológicas graves. Além disso, Vinícius precisou fazer uma traqueostomia, depois de adquirir uma infecção generalizada. Desde então, ele já passou por várias internações.
Lucas Vinícius precisa de alimentos lácteos, suplementos, fraldas geriátricas e produtos de higiene. Quem tiver interesse em fazer as doações pode entrar em contato com a família através do número (82) 98727-5141 ou pela rede social @ajudevinnicius.


Policiais suspeitos de extorquir comerciantes são identificados pela DEIC

Policiais suspeitos de extorquir comerciantes são identificados pela DEIC

Novos policiais civis, suspeitos de extorquir comerciantes em Alagoas, foram identificados após investigação da Divisão Especial de Investigação e Capturas (DEIC). Imagens de monitoramento de um residencial flagraram os agentes utilizando balaclavas, distintivos, armas e carros do Estado para práticas criminosas, sem autorização. A ação ocorreu no mês de abril deste ano.

No mês de julho, dois agentes da Polícia Civil (PC) haviam sido presos em flagrante durante a “Operação Navalha”, logo após extorquirem comerciantes na conhecida “Feira do Rato”, no bairro da Levada, em Maceió.

Na ação, os policiais adentraram na residência da vítima e extorquiram do morador a quantia de R$ 20 mil e outros objetos pessoais. O vídeo apresentado mostra toda a movimentação do grupo criminoso no condomínio residencial. Os nomes dos policiais não foram divulgados pela polícia para não atrapalhar a investigação.

De acordo com a PC, a “falsa operação” foi feita sem autorização de nenhum delegado nem mesmo foi registrada em uma delegacia de polícia.

A investigação já identificou os policiais envolvidos nas ações e o caso segue em investigação sigilosa em conjunto com o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público Estadual (MPE).

Conforme o delegado Fábio Costa, mais informações acerca do caso serão passadas em outra ocasião.