Militares de Alagoas convocam para ato contra despromoções da categoria

Militares de Alagoas convocam para ato contra despromoções da categoria

Diante dos impasses e transtornos gerados pela despromoção de militares do estado de Alagoas, provocada pela suspensão de mais de 500 processos judiciais de progressão, o presidente da Associação das Praças da PM e Corpo de Bombeiros de Alagoas (ASPRA/AL), Wagner Simas, convoca toda a categoria para um ato que acontecerá nesta terça-feira (3).

O protesto, que será iniciado às 10h, na Praça Deodoro, em frente ao Tribunal de Justiça do estado de Alagoas (TJ/AL), centro da cidade, espera contar com toda a categoria de militares, essencialmente aqueles que estão envolvidos nos processos judiciais de despromoções, para reivindicações perante a presidência do TJ.

“A Lei de promoção para militares após 10 anos de serviço foi engessada pela Procuradoria Geral do Estado (PGE) e até por outros comandos que passaram pela corporação quando deixaram de cumprir os interstícios da lei e quando deixaram de habilitar os militares para ascensão das novas graduações. Então, todos os militares que estiverem envolvidos em processos judiciais estão convocados para este ato”, disse Wagner.

No ato, a categoria reivindicará uma audiência perante a presidência do TJ, para que o agravo seja pautado para julgamento de forma que a decisão monocrática do desembargador Tutmés Airan seja revista em apreciação do pleno e, caso mantida, ser possível reverter este cenário, buscando recurso diante do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Fonte: Gazeta Web.


Deixe um comentario