Mais de 5 mil motoristas podem ter a Carteira de Habilitação suspensa em Alagoas

Mais de 5 mil motoristas podem ter a Carteira de Habilitação suspensa em Alagoas

Mais de 5 mil processos para suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) foram abertos em Alagoas somente em 2019. Os dados são do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), que aponta para um aumento de 70% do número de processos em relação ao ano anterior.
No total, 5.015 CNHs podem ser suspensas no estado nos próximos dias, número considerado recorde pelo órgão de trânsito. De acordo com o chefe de Controle de Infrações do Detran, Daniel Celestino, os processos são referentes aos condutores que acumularam 20 ou mais pontos em decorrência do cometimento de infrações no trânsito.
Além disso, há também os casos em que a conduta do motorista, por si só, já acarreta na suspensão da CNH, como é o caso da direção sob o efeito do álcool; realização de rachas; omissão de socorro e, no caso de motociclistas, o não uso do capacete.
“É um número que chama bastante atenção e o Detran vem acompanhando de perto esta situação. Esse aumento significativo do número de processos acontece em decorrência, entre outras coisas, da intensificação dos trabalhos de fiscalização por meio das equipes do Batalhão de Trânsito e da Lei Seca, por exemplo”, afirma Daniel Celestino.
Os condutores que tiverem a CNH suspensa precisam passar um período sem dirigir e ser submetidos a um curso de reciclagem de 30h – que pode ser feito na modalidade à distância. Após essa fase, o condutor faz uma prova teórica no Detran e, caso seja aprovado, tem a CNH desbloqueada e o direito de dirigir restabelecido.


Deixe um comentario