Familiares pedem doação de sangue para paciente internada na UTI do Hospital da Mulher

Familiares pedem doação de sangue para paciente internada na UTI do Hospital da Mulher

 

 

Familiares e amigos de Ana Claudia Freitas Siqueira Praxedes iniciaram uma mobilização nas redes sociais para pedir doação de sangue para ela, que está internada na UTI geral do Hospital da Mulher, em Maceió.

A paciente é receptora universal, desta forma, pode receber doações de qualquer tipo sanguíneo. As doações devem ser realizadas no Hemocentro de Alagoas, localizado no bairro do Trapiche da Barra.

Para fazer a doação, o voluntário deve ter no mínimo 16 anos de idade, peso igual ou superior a 50 quilos e portar um documento de identificação oficial e original com foto. Os menores de 18 anos devem estar acompanhados dos pais, portando um documento de identificação oficial e original dos responsáveis.

Além disso, pessoas que tiverem contraído hepatite após os 11 anos de idade, além de sífilis, Aids e doença de Chagas, fica impedida de doar sangue. As gestantes e lactantes ficam proibidas de doar neste período e, para repetir a doação, os homens devem respeitar um intervalo de dois meses e as mulheres ficam impossibilitadas durante três meses.

Fonte: Gazetaweb.


Deixe um comentario