Adolescente é apreendido por planejar ataque em escola de Goiás

Adolescente é apreendido por planejar ataque em escola de Goiás

Mais um caso de adolescente apreendido por planejar ataque a escola foi registrado, dessa vez na cidade de Pontalina, em Goiás. O jovem de 17 anos foi ouvido pela Polícia Civil e afirmou que só não havia cometido o crime porque não tinha uma arma de fogo de repetição.
Na casa dele foram apreendidos um revólver, que era do pai dele, um arco, flechas, uma máscara, uma capa e uma bota.

O estudante ainda contou que sofria bullying e que por isso queria matar os colegas de escola. Além disso, disse que as pessoas vivem em um “inferno” e que estaria livrando-as desse sofrimento ao matá-las.
Conforme o Extra, o suspeito pretendia se matar após cometer o massacre. O adolescente também citou o caso ocorrido na Nova Zelândia, que deixou 50 mortos, como um exemplo positivo.


Deixe um comentario