Prefeitura e Equatorial vão ampliar cadastro para famílias de baixa renda

Prefeitura e Equatorial vão ampliar cadastro para famílias de baixa rend

Tarifa social – O prefeito Júlio Cezar se reuniu nesta quinta-feira (25), por videoconferência, com o executivo de Relacionamento com o Cliente da Equatorial Energia Alagoas Daniel Sampaio. Na ocasião, foi discutido a inclusão de novas famílias que serão beneficiadas com a segunda etapa do programa Tarifa Social. Em Palmeira dos Índios, milhares de famílias já estão cadastradas no programa e que passaram a pagar a conta de de luz mais barata, embora ainda haja muitas famílias que precisam ser incluídas neste serviço. Para isso, a Equatorial disponibilizará para a Prefeitura uma ferramenta chamada Somos, onde as pessoas serão cadastradas diretamente na plataforma da empresa e terão acesso ao benefício durante a pandemia com mais facilidade.

De acordo com o prefeito Júlio Cezar, cerca de oito mil famílias ainda serão incluídas no programa. “Além da inclusão das novas famílias no Tarifa Social, também conversamos sobre a rede de alta tensão do Polo Multissetorial do município, que também tem avançado nesse diálogo. Mas agora, vamos cuidar da redução das contas de energia, que é uma vitória de todos nós do Governo Municipal e da Equatorial, com quem temos uma parceria estreita. As famílias palmeirenses já sentem esses valores bem menores, fruto do nosso trabalho e esforço”, explicou o prefeito.

E continuou. “Agora, vamos cadastrar outras famílias, tendo como aliados o trabalho do Bolsa Família, por meio da Assistência Social, e das equipes da prefeitura, que serão muito importante para identificar e ajudar essas pessoas a realizar o cadastro e ter a redução na tarifa de energia elétrica “, disse o prefeito Júlio Cezar.

A reunião foi acompanhada pelo secretário municipal de Serviços Públicos e Serviços urbanos Gilmar Torres e pela secretária-adjunta de Assistência Social Flávia Tavares. Segundo o CadÚnico, Palmeira tem atualmente 17.200 famílias no cadastro municipal, dos quais, 11 mil estão válidos e os demais com algum tipo de pendência.


Deixe um comentario