Mais de 10 cidades alagoanas ficarão sem agências do Banco do Brasil

Mais de 10 cidades alagoanas ficarão sem agências do Banco do Brasil

Pelo menos 10 municípios alagoanos terão suas agências ou postos de atendimentos do Banco do Brasil fechados nos próximos dias no estado. Este levantamento é preliminar.

A diretoria nacional ainda não comunicou oficialmente quais serão agências e postos fechados, mas um levantamento da Associação dos Municípios Alagoas (AMA), com os prefeitos identificou que as agências de alguns municípios já haviam sido rebaixadas para Postos de Atendimento, já outros municípios terão os serviços completamente fechados nos próximos dias.

Segundo mapeamento preliminar feito pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf), serão pelo menos 160 unidades em todo país, sendo o Nordeste a região mais afetada.

Para o presidente da AMA, prefeito de Cacimbinhas, Hugo Wanderley, a medida do BB irá prejudicar economicamente os municípios e é preciso reverter essa situação.

“Isto é um retrocesso. O banco deveria cumprir o seu papel social. Vamos entrar em contato com a bancada federal para solicitar apoio e reverter a situação. O fechamento das agências e postos é ruim para economia local e durante pandemia estimula ainda mais a aglomeração e a circulação de pessoas entre os municípios, quando no momento o isolamento social é peça fundamental para evitar o contágio”, destacou o presidente Hugo Wanderley.

Agência transformada em PAA:

  • Batalha
  • Campo Alegre
  • Marechal Deodoro
  • Olivença
  • Pilar

Agências ou PAA com atividades encerradas:

  • Anadia
  • Barra de São Miguel
  • Coité de Noia
  • Dois Riachos
  • Estrela de Alagoas
  • Passo do Camaragibe
  • Pão de Açúcar
  • Paulo Jacinto
  • Porto Calvo
  • Porto de Real do Colégio
  • Maribondo.

Fonte: Todo Segundo.


Deixe um comentario