Alagoano Humberto Martins toma posse como presidente do STJ

Alagoano Humberto Martins toma posse como presidente do STJ

Desembargadores e representantes do Judiciário alagoano acompanharam, de maneira virtual, a solenidade de posse do ministro Humberto Martins como presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), e Jorge Mussi como vice-presidente, para a gestão 2020-2022, cuja transmissão ocorreu nesta quinta-feira (27). Presencialmente, na sede do STJ, além de ministros, também participaram da cerimônia o Presidente da República, Jair Bolsonaro, e o vice-presidente, Hamilton Mourão.
O presidente do Colégio Permanente de Corregedores-Gerais dos Tribunais de Justiça do Brasil (CCOGE) e corregedor-geral da Justiça de Alagoas, desembargador Fernando Tourinho, afirmou que a posse do ministro como presidente do STJ honra o Judiciário alagoano. Ele relembrou a trajetória de Humberto Martins em Alagoas como um grande amigo, especialmente de seu genitor, desembargador José Fernando Lima Souza.
Tourinho também enalteceu os trabalhos desenvolvidos por Martins na Corregedoria Nacional de Justiça, com o lema “Magistratura forte, cidadania respeitada”.
“Destaco que o ministro Humberto Martins é portador de uma estupenda capacidade de trabalho, sendo referência no Judiciário brasileiro, notadamente à frente da Corregedoria Nacional de Justiça, onde deixou sua marca indelével de eficiência e agilidade nos serviços prestados à sociedade brasileira. Externo meus votos de sucesso, certo de que ele e o ministro Jorge Mussi realizarão uma extraordinária gestão à frente do Tribunal da Cidadania, que é o STJ”, comentou Fernando Tourinho.
Em seu discurso de posse, o ministro Humberto Martins agradeceu às autoridades que acompanharam a solenidade, presencial e virtualmente, assim como aos ministros do STJ pela escolha, por aclamação, para que ele e o ministro Jorge Mussi ocupem os cargos de presidente e vice-presidente, respectivamente. Ele também parabenizou os ministros João Otávio de Noronha e Maria Thereza pela gestão, em especial, pela condução do STJ nesse período de pandemia.
“Exercer o cargo de presidente do Tribunal da Cidadania é uma grande honra, uma grande responsabilidade que irei tratar com harmonia e com diálogo a defesa do Brasil e da cidadania. Significa conduzir também um dos grandes tribunais superiores do nosso país, responsável pelo julgamento de inúmeros casos de grande repercussão política, social e econômica, que impactam a vida de milhares e milhares de cidadãos brasileiros”, disse Martins, ao ressaltar que todas as boas práticas das gestões anteriores serão mantidas e aprimoradas, em busca de um Judiciário cada vez mais respeitado, forte, célere e eficiente, que atenda aos clamores da sociedade brasileira, por uma Justiça sempre presente e atuante.
Além do corregedor Fernando Tourinho, também participaram da solenidade o presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJAL), Tutmés Airan, os desembargadores Fábio Bittencourt Araújo, Celyrio Adamastor, Sebastião Costa Filho, Klever Rêgo Loureiro, Washington Luiz Damasceno Freitas, Alcides Gusmão e José Carlos Malta Marques, e os juízes Fátima Pirauá e Orlando Rocha, dentre outros.


Deixe um comentario